Skip to content

Quanto tempo vive um gato

15/10/2012
tags:

Bigato Manjar pratica (lindamente) a arte de não fazer nada, na qual é especialista

Se você chegou aqui via Google e quer apenas uma resposta rápida, lá vai: os gatos geralmente vivem três anos quando moram nas ruas e 15 quando protegidos, dentro de casa. Os dados são da Adote um Gatinho, ONG que só doa para quem pratica a modalidade de gatos indoor. 0/

Mãs, caso queira um pouco mais de blá-blá-blá, também estamos aqui para isso. :)

Quando preenchi o cadastro para adotar os bigatos, lembro de ter congelado diante de uma questão. Não lembro exatamente como estava escrita, mas, basicamente, perguntava se me comprometeria a cuidar de criaturas que viveriam por cerca de 15 anos. Con-ge-lei, sério.

Se você é casada/o e tem filhos, já fez outros compromissos para a vida inteira. Mas no meu caso, 15 anos representavam uma eternidade – acho que o máximo de tempo que eu havia oficializado até então, com assinatura e tudo, foram três anos para uma compra grande. Quinze anos são esses três vezes cinco: faça as contas aí e você verá que estou certa. :)

Aceitei os termos e passei então a achar muito (MUITO!) injusto a bicharada viver só 15 anos – eu quero meus gatos pra sempre, tipo mais 65 anos. Uma coisa que me consola é saber que, por serem gatos, eles compactam toda a boa vida nesses poucos anos: não pegam trânsito, não fazem prova de matemática nem enfrentam fila para tirar RG. É a otimização da boa vida, humanos. :)

Bigatos, hoje com três anos, assistem à vida de camarote

Por Juliana Blá-blá-blá

About these ads
25 Comentários leave one →
  1. Carmem Pereira permalink
    15/10/2012 8:05 PM

    Eu tenho dois gatinhos : Sofia 7 e Dunga 14 anos e confesso que já sinto a dor de perde-los… minha outra gatinha se foi com 15 anos e são coisas que nunca estamos preparados, dói ter que deixa-los partir, embora a dor amenize com o tempo… mas é uma dor terrível.

  2. Cláu permalink
    15/10/2012 8:14 PM

    Adorei o post, pois comigo aconteceu algo muito parecido, quando decidi ter o meu primeiro gato, todo mundo me questionava justamente isso, se estava preparada para cuidar dele por 12 a 15 anos. E isso me deixava completamente assustada, tanto que enrolei um pouco do momento em que decidimos pegar um gato até o momento que o Marx chegou, na real, diz meu companheiro, que se ele não tivesse me dado o Marx, talvez eu estivesse ainda pensando… eheheh. Hoje, o Marx está com 1 ano e 3 meses e faz alguns meses que adotamos a Milka, +- a mesma idade dele e não consigo me imaginar sem eles.

  3. Thandra permalink
    15/10/2012 8:14 PM

    Conheci uma moça que tem uma gatinha com 25 anos!!!!
    Fiquei chocada, mas achei o máximo!!!
    Depois fui pesquisar na internet e descobri essa gatinha de 39 anos!!!

    http://colunas.globorural.globo.com/planetabicho/2011/01/05/gata-de-39-anos-pode-ser-a-mais-velha-do-mundo/

    Lindo, né?

    Claro que são raridades… mãs, quem sabe não acontece com os nosso bichinhos amados!?

    • 15/10/2012 8:47 PM

      Putz, mas se meu gato vivesse 39 anos eu ia me despedir dele todos os dias. Ia dar salmão todo dia achando que é a última refeição, ia deixar ele dormir dentro armário, porque aquela poderia ser sua última noite. Deus sabe o que faz! :)

      • Thandra permalink
        15/10/2012 9:06 PM

        Hahahaha
        Tu é uma querida!!!
        Adoro os teus textos!! Super bem humorados e cheios de carinho
        Parabéns, continue escrevendo maravilhosamente bem!!

  4. Adrina permalink
    15/10/2012 9:55 PM

    Amei o post, resumiu muito bem a vida dos gatos, que vivem pouco porque vivem bem (os que tem sorte). Igual ao filme no cinema, que acaba rápido porque não tem comerciais. Aliás, eu andava mesmo preocupada com o assunto, mas com meu Coelho, que está comigo desde março. Mas acabei de ver que vivem de 6 a 8 anos, já fiquei mais feliz

  5. 15/10/2012 9:59 PM

    Também não gosto de pensar no dia em que tivermos que dizer adeus. Meus gatos ainda são novos, têm um ano de idade e eu faço de tudo pra aproveitar cada minuto que posso ao lado deles.
    Beijos

  6. 15/10/2012 10:57 PM

    Faz 3 meses que perdi minha gatinha Rutha que estava com 15 anos, foi uma despedida muito difícil, ela estava muito debilitada pelo câncer. Quando relembro tudo que vivemos durante estes anos vejo que fomos muito felizes, meus filhos cresceram com ela e aprenderam a amar os animais e dar valor a pequenas coisas da vida. Agora tenho a Pink com 13 anos e os cães Luna, 14 e Barum, 13. A minha casa é praticamente uma casa de repouso de peludos, ainda bem que estão todos com boa saúde e disposição.
    Quando eu era pequena tive uma gata que viveu 16 anos com total acesso à rua, nunca comeu ração, nunca tomou vacinas, nunca foi ao vet…mas era outra época…

  7. 16/10/2012 9:30 AM

    Juliana,

    não tenho estrutura para pensar nisso. Não quero que o Silas se vá. OH, CÉUS!

  8. 16/10/2012 9:31 AM

    É assim mesmo, tudo que é bom a gente sempre quer que dure um bocadinho mais: uma boa festa, um livro interessante, um mousse de chocolate, férias, 5 minutinhos antes de levantar da cama de manhã, … gatos!!!

  9. Denise permalink
    16/10/2012 9:53 AM

    Tenho 4 gatos e a mais nova tem pelo menos 5 anos, ou seja, penso muito nesse assunto. Antes de adotar os gatos fiquei um bom tempo pensando se estava fazendo a coisa certa. Eu estava com 25 anos e sem saber direito o que seria da minha vida. Continuo sem saber e confesso que amadureci muito graças aos gatos. Eles são meus filhos (chamo de filhos mesmo) e dependem só de mim para tudo. Pago um preço relativamente alto por isso: não posso viajar por mto tempo; não posso morar fora; o apto precisa ser limpo todo santo dia; receber visitas pode ser um pesadelo; etc. Se me arrependo? Nunca. Amo meus pequenos e minha prioridade é cuidar bem deles. Não sei o que será de mim qdo eles morrerem…

  10. 16/10/2012 10:03 AM

    Concordo com vc, 15 anos é muuuuuuuuuito pouco!!!! Tb tenho uma duplinha de 3 anos e nem consigo pensar nessa conta injusta!

  11. Paula permalink
    17/10/2012 3:00 PM

    seu blog é otimo! parabéns!
    =)

  12. marisa permalink
    18/10/2012 10:29 AM

    Juliana,tenho uma vizinha que o gato dela tem 23 anos e vc olhando o brilho dos pelos dele parece mais bem cuidadinho que os meus de 4 anos.
    Desde que me conheço por gente tive gatos e cachorros na minha casa,que vinham bebes que resgatavamos das ruas e outros que iam ficando velhinhos,enfim é a vida.
    Apesar de adorar todo tipo de bichinho eu não adoto papagaio nem tartarugas por justamente ” viverem muito” fico pensando e se eu for primeiro?
    bjs

  13. 21/10/2012 4:53 PM

    Meu primeiro gato viveu 23 anos. Seu nome era Caçula. Ja na velhice ele estava com diabetes, surdo, com catarata e problemas de descalcificação óssea. Mas o que mais ajudou o prolongamento da vida dele não foram remédios ou carinhos humanos. Mesmo castrado, colocamos uma fêmea de 4 anos quando ele fez 20 anos, ao lado dele. Ela , Nina, (faleceu logo após a morte do “velho” por depressão) era considerada a sultana do gatil. Era ela uem mandava no pedaço. Durante todo período de convivência foi ela uem ajudava no banho das lambidas, acordava ele pra comer, forçava ele a levantar da cadeira e correr pela casa junto . Foi um amor lindo, uma história de mor ue nunca tinha visto em meus gatos . (total de 31) Amo-os muito. e o amor é o que faz viver mais.

  14. Marcelo permalink
    23/10/2012 4:51 PM

    Na real? Tenho uma conhecida com uma gata, vira lata, acostumada com comida desde filhote e foi criada todos estes anos como gata de rua, tem sua casa mas só volta quando quer. A pobrezinha já não tem mais os dentes há alguns anos. Está muito fraca, de tão velha. Acreditem: Ela nasceu em 1984 e acho que está nas últimas. Mas, sinceramente, 28 anos para um gato?

    • Ana Paula permalink
      26/10/2012 1:56 PM

      Nossa sério?É isso tudo mesmo?
      Pensei que soubesse sobre gatos isso eu não sabia.

  15. Telma permalink
    24/10/2012 4:02 PM

    AI, ai, aiiii…Nunca tive gatos até encontrar um branquelo de olhos azuis, de 3 meses largado em uma gaiola de um pet, para adoção. A familia adora animais mas o medo de gatos era grande (a frase era: gatos são traiçoeiros). Insisti e hoje a prioridade entre todos os meus bichos é ele “Alfredo José”. Todos o amam, é dócil, amado, inteligente e retribui o amor a cada movimento. Alfredinho é meu docinho que chamo de meu “píiincipe” (sem R mesmo). Não quero pensar em perdê-lo, mesmo pq Deus é imprevisível…acabo de perder uma cadelinha de 10 meses totalmente saudável com um infarto. Então, vivamos um dia de cada vez e intensamenteeee!!!

  16. José Ricardo permalink
    27/07/2013 11:35 AM

    perdi um gato esta semana devido a envenenamento ele era preto só que muito gente boa
    tranquilo e bastante caseiro não merecia esse fim cruel e o que é mais triste pois ele completaria dois anos em setembro agora então perdeu no mínimo uns 10 anos de vida que tinha pela frente amentável quem sabe ele retorna agum dia reencarnado em outro filhote para viver o que não viveu pois teria no mínimo mais oito anos imagino

  17. leticia permalink
    12/09/2013 8:50 AM

    Gente, minha vó tinha uma gata siamesa DARA , que viveu 18 anos.. ela tinha acesso a rua, mas comia só ração, e outras coisinhas que caçava né. Ela teve uma longa vida bem tratada, e uma morde horrivel pois era tao velhinha que foi atropelada pelo proprio dono =\

  18. leticia permalink
    12/09/2013 8:52 AM

    Os gatos vivem pouco pq ja nascem sabendo amar! Coisa que gente em 50 ano não aprende! GATO, AMOR ETERNO ♥

  19. 15/11/2013 9:01 PM

    Eu tive um gato siamês, viveu 18 anos, o perdi dia 12.1o.13, câncer de intestino e IR,ele viveu muito bem,com muito carinho meu e de meus filhos.Fiz de tudo para que ele vivesse. Meu velhinho, assim eu o chamava com os seus 18 anos. Descanse em paz. Abracos a todos que gostam de gatos.

  20. 12/12/2013 8:04 PM

    eu amo o meu gato demais!!!!!!!!!!!

  21. Lilian permalink
    10/04/2014 3:33 AM

    Bibi minha linda gatinha branca ia fazer 13 anos e morreu de problemas nos rins e fígado. Agora minha anjinha tá brincando no céu com outros bichinhos e me olhando lá de cima. Descanse em paz, mamãe e papai sempre vão te amar, nunca vamos esquecer de vc !!!

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 942 outros seguidores

%d bloggers like this: